31.5.12

Primeiro Amor 36º HOT


Um dia, quando o céu estiver desabando
Eu estarei ao seu lado, ao seu lado

Nada nunca ficará entre nós
Pois eu ficarei ao seu lado, ao seu lado











VC: OI CHAZ -abraço-
Chaz: AAA [SEU NOME], MINHA GATA
Chris: OI [SEU NOME] -abraço-
VC: Oi Chris
Ryan: É ... Desculpa por aquilo que eu disse eu fui na sua cas...
VC: -interrompe- Tudo bem Ryan
Ryan: AA EU TE AMO [seu nome]
JB: Vamos embora?
Xx: Licença, você é a [seu nome]?
VC: Sou sim, e você?
Xx: Sou o Caio, sua mãe mandou eu vim ficar com você
VC: Ah sim -sorriso- Muito lindo você
Cait: Oi prazer sou a Caitlin, mais pode me chamar de Cait -piscou-
Chaz: Cof cof -coçando a garganta-
Bruno: Então, er ... Vamos logo pra sua casa?
JB: Vão fazer oque lá?
Chaz: Tá sentindo?
Ryan: Pois é ... Um cheiro de ...
Chris: Um cheiro muito forte ..
Cait: Um cheiro de ...
Bruno: Ciumes?
JB: Nada a ver


























VC: Justin, posso falar com você?
JB: Não -seco-
VC: Tudo bem então, vamos Bruno -sai-
Bruno: Tchau gente
Chaz/Caitlin: Idiota
JB: Que foi?
Chris: Justin tu é um burro mesmo viu
Ryan: Porra cara, tu ama ela... Seu burro.. Fica ai com seu orgulho idiota
Todos vão embora

COM VOCÊ E BRUNO

VC: Bruno, olha esse é seu quarto ok?
Bruno: Tá ... Sabe aquela Caitlin ela é bem bonita
VC: Vou ser uma cupida -dança-

- Ting Dong -
Bruno: Vou atender
VC: Ok
..
Bruno: Oi Justin né?
JB: Sim, a [seu nome] tá ai? -seco-
Bruno: Sim eu vou chamar ela
JB: Não precisa... Eu sei o caminho -entra-

...

JB: Oi
VC: Ai que susto Justin
JB: Desculpa, eu queria falar com você
VC: Hum .. Claro senta
JB: -senta- Eu queria saber porque você foi embora
VC: Eu não que...
JB: -interrompe- Eu te amo
VC: Jura?






















JB: Eu sei que eu não sou o bastante pra você






VC: Você voltou a ser o pegador né? 
JB: Você foi embora ... Minha vida acabou -chora-
VC: Justin olha eu nã...
JB: -interrompe- Você foi a unica menina que me fez descobrir o amor de verdade, volta comigo por favor eu te amo de mais -subiu encima de mim e me beijou-
VC: Justin -ainda beijando- AGENTE VAI CAIR

                                                    PROIBIDO PARA MENORES DE 12 ANOS





JB: -rindo- Vem -te pega no colo- Vamos brincar -lambeu meu pescoço- 




- Justin começou a beijar o seu pescoço e foi descendo cada vez mais, até que chegou na minha barriga ele começou a chupa-lá e beija-lá - 





VC: Justin -gemeu-
JB: Hum?

Era um pouco difícil falar enquanto ele enfiava a língua minha guela abaixo. Usei minha mão para empurrá-lo levemente para me dar espaço pra falar. Seus lábios se moveram até o meu pescoço, dando beijos de boca aberta até chegar na minha clavícula.

VC: Tem certeza que você não tem que ir pra casa?
JB: Não, hoje eu sou todo seu bebé
Ele mordeu, puxando um pouco a minha pele, o que tirou um gemido baixo de mim
Suas mãos que estavam do lado da minha cabeça para apoiar-se, moveram até o meu ombro, enquanto ele sugava minha clavícula. As mãos desceram e tocaram os lados dos meus seios quando ele falou de novo - 

JB: Sou seu .. Só seu

Seu hálito quente tocou a minha orelha, emitindo outro gemido de mim. Por que eu gosto tanto quando ele fala besteiras pra mim? - 
JB: Suas mãos vão estar no meu peito enquanto você sobe de desce de volta... gemendo meu nome...  Você pode até olhar para baixo e me ver desaparecendo dentro de você cada vez que você subir, e em seguida, atirar-se de volta de novo. Gemendo cada vez mais alto com cada impulso.
-  Agora nós estávamos praticamente transando usando só palavras. - 
VC: Justin ... Para com isso
JB: Você sabe que está ficando molhada só de me ouvir explicar o que vai acontecer mais tarde

Suas mãos desceram até o meu short. Merda, não! Seria tão embaraçoso se ele soubesse o quanto suas palavras tinham feito um impacto no meu corpo. Merda de hormônios! Fechei minhas pernas, pelo menos o máximo que eu pude com ele entre elas -
JB: Hum, bebê. Deixe-me ver o quão molhada você ficou por apenas palavras 
VC: Nã-Não

O que eu não sabia era que eu estava movendo meu corpo contra o dele, até eu roçar a tenda que estava formada nas suas calças - 

JB: Tô duro, bebê. Depois que eu acabar com sua vagina, eu vou te comer por trás. Ver o quão apertado é
VC: Ai meu Deus, Justin -gemi- 

Minhas costas começaram a arquear, empurrando meu peito contra o dele. Seus dedos passaram pelo elástico do short e da calcinha, rastejando lentamente  - 

JB: Parece que só palavras conseguem fazer isso com você. Bebê, você está encharcada
VC: Justin ... Enfia logo isso 
JB: Vamos brincar 
Ele colocou um dedo, me fazendo sentir uma coisa que eu nunca tinha sentido antes - 
VC: Awwn 
JB: Você me ama? 
VC: Si-sim 
JB: Ótimo. Eu vou te mostrar como se faz, agora me faz ficar exitado
VC: Justin, você me deixou completamente molhada ... Oque quer que eu fale? .. Só me coma
JB: Você tem certeza, bebê? Vai doer, eu sou muito grande
VC: Justin que porra vai logo

Minhas mãos que estavam no seu cabelo foram até a borda inferior da camisa dele. Eu pareceria uma idiota se eu tentasse rasgá-la e não conseguisse  -

JB: Você quer o Jerry dentro de você, não quer? Entrando e saindo...
- Ele pegou minha mão e a colocou em cima da calça dele - 
VC: Wow, que grande 
Ele largou as minhas mãos e tirou a cueca. Eu tirei a calcinha. Não acredito que eu acabei de implorar por sexo pra ele.
JB: Suplique por isso
VC: Justin ... VAI LOGO POR FAVOR
JB: Faça parecer que você precisa disso
VC: Justin ... awn vai logo por favor
JB: Mais ... Eu quero mais 
VC: Justin, Eu quero muito, Mostre-me o que você consegue fazer
JB: Vai doer
Merda! Ele estava certo. Isso doe que nem uma piranha filha da puta! Ele já estava na metade do caminho quando parou. Apenas o suficiente para tocar e romper o meu hímem. Minhas mãos foram automaticamente para os lençóis e eu agarrei com firmeza. Meus dentes mordendo o lábio inferior tentando manter o grito dentro da boca. Meus olhos cerrados. Os lábios de Justin  encontraram o meu e ele começou a me beijar. Logo eles os deixou e subiu um pouco, seus ombros na frente do meu rosto. O movimento fez ele ir mais fundo antes que eu estivesse pronta, o que me fez gritar de dor. 
JB: Bebé, morde meu ombro, eu te dou ele
- Morde seu ombro com toda força do mundo-
VC: Vai Justin awn
Justin puxou seus quadris para trás e depois voltou com eles. Senti uma onda de prazer passar por mim e queria que ele fizesse de novo.
VC: Justin de novo
JB: Não se preocupe. Nós vamos fazer isso a noite toda


Ele beijou-me e começou a penetrar num ritmo rápido e forte.

Apenas o pensamento dele entrando e saindo de mim a noite toda me deu borboletas no estômago. Eu não sei quando nós paramos, mas eu experimentei meu primeiro orgasmo. Quando eu gritei o nome dele, ouvi-o gemer o meu antes de cair por cima de mim. Justin  não é pesado. Eu diria que ele é muito leve pra sua idade e altura, mas todos os músculos compensam isso. 










4 comentários:

  1. continuaaa pelo amor de Deus agora que começou continua né?!haha... por favor posta logo okay?!
    bjss....
    by:lele

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Começando a escrever agora, que boom que gosta xD

      Excluir
  2. OMG !! adoroo capitulos assim !! kkkkkkk' Ficou perfeito !!!!
    S-U-P-E-R-H-O-T !!!!!!!!! HAhahahahaha'

    ResponderExcluir
  3. LEEEEEEEEEEEEEEEITORA NOVA!! QUANDO VAI CONTINUA ?

    ResponderExcluir